História Alto Caparaó

Significado da palavra Alto Caparaó – águas cristalinas que descem das pedras

Situação geográfica – localizada na Zona da Mata Minas Gerais na divisa com o Estado do Espírito Santo – Leste do Estado de Minas Gerais faz divisa com os municípios de Caparaó, Alto Jequitibá, Manhumirim e com o Estado do Espírito Santo Iúna.

Área 104,5km2

Fica a 20° latitude

41° longitude

A cidade está aproximadamente a 997 metros de altitude

Clima frio devido à topografia muito acidentada da Região.

Em 1928 veio adquiri terras na região o senhor Francisco Valério pai de Joaquim Valério da Silva, considerada tradicional. Os primeiros a chegarem foram: os Alemães, os Suíços, Portugueses e Italianos que vieram de Nova Friburgo, Estado Rio de Janeiro. Fugindo de suas terras de origem, ou como imigrantes, depois vieram para Caparaó atraído pelo clima frio semelhante a suas Pátrias.

As primeiras religiões a surgirem foram; a Igreja Católica, Presbiteriana, Adventista e Batista, o que hoje a torna e da á uma característica própria, devido ás muitas religiões existentes.

Alto Caparaó tem a sua origem por volta dos anos de 1900. Em 1948 uma população de 600 moradores ocupando 80 casas já estavam registradas nesse povoado.

Havia poucos costumes sociais. Era alguns bailes que se dançava o samba ou a valsa de três.

Também em 1948, chegou para esse Município o senhor Inimá Novaes de Campo, que juntamente com o povo fizeram mutirões, traçou ruas, pontes, praças e estradas, inclusive a que leva ao Pico da Bandeira, solicitando mais tarde um pedido ao Presidente da República para a criação de um Parque Nacional em Caparaó. Em 1961 foi Criado o Parque Nacional do Caparaó

O Distrito de Alto Caparaó foi criado em 30 de dezembro de 1962. Em 1967 inspirado pelo sucesso de Fidel Castro em Sierra Maestra em Cuba, alguns revolucionários Brasileiros fizeram um acampamento de treinamento de guerrilha no alto da serra do Caparaó. A descoberta do movimento da guerrilha levou a localidade cerca de 10 mil soldados e a Força Área Brasileira para efetuar a prisão dos guerrilheiros. A presença de tanques de guerra e aviões de combate foi um fato que para sempre marcou a vida das pessoas que viviam em Alto Caparaó.

Pela Lei n° 8.285 de outubro de 1982 o Distrito de Caparaó velho passou a se chamar Alto Caparaó e através do plebiscito popular, emancipou-se do Município de Caparaó em 1995.

Fonte: Biblioteca Municipal

18 Responses to História Alto Caparaó

  1. Anônimo disse:
    • sebastiao bento matins disse:

      moro em sao leopoldo rio g sul mais sonho com meu caparao amado terra que me vio crecer aqui deixo um abraço a todos a esse povo maravilhoso

    • JONAS disse:

      MOREI EM CAPARAO VELHO NOS DE 1984 A 1986,SOU DE FAMILIA EVANGELICA E FOMOS PARA ESTA CIDADE MARAVILHORA PORQUE MEU PAI ACEITOU CONVITE DA IGREJA ASSEMB. DE DEUS MADUREIRA. PASSAMOS POR MUITO FRIO NOS PRIMEIROS MESES, ERAMOS DO RIO DE JANEIRO.DEIXAMOS MUITOS AMIGOS NESTA CIDADE E GOSTARIA MUITOS REVE-LOS. MORRO EM ANGRA DOS REIS – RJ, ESTOU ME PREPARANDO PARA FAZER UMA VIAGEM PARA ESTA CIDADE EM BREVE.

    • GILBERTO CALDEIRA disse:

      Eu nasci em Alto Jequitibá mas minha família morou em Caparaó até 1955 e fomos morar em São Paulo. Acho que o pessoal mais antigo daí se lembra de meus pais Gilberto (farmacêutico) e Leonélia. Estive aí em 2004 e amei esta cidade. Quando puder vou visitar novamente com meu irmão mais velho que morou por aí. Abraços….

  2. adalberto disse:

    O QUE o barranco que caiu perdo da casa dele tem aver com a historia de alto caparao ………………….

    A historia de alto caparao e muito enderesante.gostei

  3. Philipe disse:

    E aeh zé!!!
    Gostei muito do seu blog e essa história ainda não tinha sido mostrada na internet.

    Gostei tanto que vou até inserir esta história em alguns sites que estou desenvolvendo. Não tem problema não neh.

    Abração e fik com Deus
    Continua atualizando seu blog que tah muito fera.

  4. Julio disse:

    Meus parabéns pela matéria Zeca, pessoas como vc faz muito bem para a nossa cidade.

  5. vanda disse:

    Parabens Zeca,que Deus te abençoe, Alto Capasraó precisa de pessoas como vc

  6. Eudson disse:

    José Carlos, muito interessante esta breve história de nosso município, continue incentivando, parabéns.

  7. paulo disse:

    zè , nunca tinha entrado no seu blog , mais eu resouvi entrar e ver o que tinha nele e eu achei q ficou muito bom!!
    Eu so quero te fazer uma pergunta , o dom pedro 1º ou 2º veio ca mesmo ??

  8. Yone Simões disse:

    Tenho curiosidade em saber a história do processo judicial que reinvindcou o cancelamento de registro das terra em torno do C. Três Barras. Esta questão foi referida por Willians em Belo Horizonte Segundo soube, o registro foi cancelado pelo juiz de Espera Feliz, quando a comarca era lá.( Hoje a comarca é Manhumirim) Então: este processo existe? está ativo? O que a Municipalidade tem a dizer do fato? Como procede o CRI? Aguardo Yone.(sou neta de um portugues vindo de Nova Friburgo para habitar aí)

  9. ANTÔNIO AUGUSTO TEIXEIRA disse:

    Caro redator, embora não vos conheço, mas louvo a tua ação de editar este site, porém, gostaria de fazer apenas uma pequena correção na matéria história de Alto Caparaó, onde lê-se sobre a guerrilha, você colocou que foram até alto caparaó tanques de guerra, isto não procede; digo tal coisa porque morava nesta cidade à época, assiste a chegada e estadia das forças, mas podes acrescentar que esteve presente no acampamento, que era instalado na escola (grupo escolar) como era chamado, o famoso Gen. Golbery do Couto e Silva, que foi um dos militares do mais alto escalão, e por detraz das cortinas, esteve no comando da nação por mais de trinta anos.

  10. sebastiao martins disse:

    sr;antonio e verdade o q/ disse mas tu sabe quem descobriu os guerrilheiro conhesido como cabeludos na epoca? e omde eles forram encontrados? eu conheço o local e o filho de quem chamou policia na epoca e que levou o exercito ao local! e eles so foram presos poque agums deles adoeceram ,o locau omde os prederam se chama porteira preta divisa fazen d/rene rabelo com o p/nacional

  11. Welington Dias Heringer disse:

    Welington Dias Heringer
    Eu estava lá.
    SR. Antonio Augusto Teixeira.
    Os tanque de guerra nâo tinha mas forom muitos carros de combate para aquela operação.
    Tinha varios helicopteros e aviões sendo que um Avião caiu proximo ao terreirão.
    Para nós foi uma festa.
    Mas tomamos um grande susto, quando no domingo na hora do culto de meio dia.
    No Pavilhão da Igreja Presbiteriana, o soldado que fazia a guarda deixou o fusil disparar um belo de um tiro.
    Eu estava LÁ.

    • Cleidison disse:

      Poderia me passar um contato seu msn ou algo do tipo. Meus parente sao de la e hoje em uma reuniao aqui no rio de janeiro contaram sobre esse fato que era desconhecido ao meu saber. Gostaria de conversar um pouco. Nasci em Espera Feliz e minha familia é toda do caparaó e se lembram desse fato. cleidison@gmail.com meu email e msn.

  12. Antônio Augusto Teixeira disse:

    Meu caro Lovantino filho de José Magro, gente da melhor qualidade, a pouco tempo nos encontramos em Manhumirim, se não me engano foi no restaurante Chalezinho, onde batemos um papo extremamente salutar e proveitoso, inclusive falamos de parentes meus, que ainda residem neste paraiso, lembro-me que me ofereceste a cópia do filme da guerrilha; como estive muito atarefado em viagens, só agora estou passando meu email, para receber tal presente, deixo um grande abraço e meus agradecimentos. peço a gentileza de não publicar meu endereço eletronico.

  13. emilly disse:

    gosto muito de morrar nessa cidade maravilhosa

  14. Meu nome é Oneias Cesar Filho. Nasci no Rio de Janeiro, mas sou descendente dos Cesar, que ajudaram a colonizar esta belíssima região. Descendo, também, doa Valério, por parte de minha avô. Meu pai era primo em primeiro grau de Belarmino Valério, de Alto Jequitibá.
    MInha origem vem dos presbiterianos desta região. Aqui, no Rio, nossa família fundou várias igrejas presbiterianas. Duas delas nasceram na minha casa. Hoje, sou pastor batista, presidindo uma igreja com várias filhas na Zona Oeste do Rio. Faz alguns anos, fui honrado com a Medalha Pedro Ernesto, a mais alta condecoração da cidade do Rio de Janeiro, por serviços prestados aqui.
    De vez em quando vou a Alto Jequitibá, um belo lugar para se descansar e admirar as paisagens deslumbrantes. Quero mandar um grande e afetuoso abraço ao povo hospitaleiro de Alto Caparaó, dizendo de toda a minha alma que tenho um carinho muito grande por vocês e esta terra tão linda e simpática.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: