Atenção eleitores

Por 08 votos a 02, STF(Supremo Tribunal Federal) derrubou a exigência de dois documentos para votar no próximo domingo. Agora, basta somente um documento com foto para votar no dia 03 de outubro.
É bom lembrar que o PT entrou com uma ação no STF para que não fosse exigido dois documentos para votar, o PT ganhou a ação.

Anúncios

18 Responses to Atenção eleitores

  1. Heber Eller disse:

    E aê Zé . . . Brincadeira heins!?! Parece até coisa de Casseta & Planeta. Lembra do quadro: “Piada de última Hora?” Pois é…. temos de aceitar que moramos num país, onde menos de 72 horas para o início das eleições, mudam (de novo) as regras. E pior, pensar que, meu documento que me caracteriza como eleitor, posso deixar em casa. Fala sério…. Será que de agora em diante, vão começar a confeccionar os títulos com foto? Ou será que nenhum desses cérebres deputados ou senadores, não terão a idéia de colocar também no RG, o número do título de eleitor? Isso facilitaria. Já que podemos ter o RG com o numero do CPF incluído, que impede de termos também a inclusão do numero do Título de eleitor? Daríamos um bom passo. Resumiríamos o RG, CPF e Título Eleitoral em um só documento, além da possibilidade já existente de ter também o numero de Certidão de Nascimento ou Casamento. 4 em 1. Não .. acho isso muita evolução pra nosso pobre Brasil… Ainda mais depois de ver o debate de ontem e acompanhar o desempenho (snif…. pausa para um chôro), de nossa futura presidente (ou PRESIDENTA, como eles a nomeiam – só não avisaram o Aurélio).
    Abraços… e seguindo para os 200 mil.

  2. Fala Zé, blz ? Concordo com o Heber… é uma vergonha o que acontece no Brasil… fizeram o povo correr atrás de segunda via de título, gastaram milhões de reais com propaganda dizendo que não votaria sem os dois documentos pra depois dizerem que não vai ser necessário… o PT mais uma vez usa a “maquina” para se promover, não se importando com o dinheiro público, nem com a democracia, já que foi aprovada uma “lei” no congresso, e pra fazer isso se gasta tempo e dinheiro… Pra que fazer uma lei que não vai ser cumprida ? Alguém sabe explicar ?

  3. Ladsmar disse:

    Gente, a coisa é tão complicada que vejamos bem: quanto você paga para tirar um título de eleitor? E a segunda via, você paga quanto? Você tem dificuldades em tirar tal documento? Gente, agora vejamos: e para tirar um CPF, aí sim você paga. Para fazer uma carteira identidade, ai sim você paga e por aí vai. Mas afinal, eles (políticos) querem que você vote, aliás, precisam dos seus votos! Por isso esse documento é gratuito. Olha o que comentou o Min. Gilmar Mendes:
    Gilmar Mendes leu trechos do voto de Ricardo Lewandowski no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que, em junho deste ano, votou a favor da obrigatoriedade dos dois documentos. Além disso, o ministro questionou o fato de parlamentares do PT terem apresentado a lei que exige a apresentação dos dois documentos e depois o próprio partido questionar no STF a proposta. “Qual a razão para que o que antes era uma forma de inibir a fraude tornar-se uma mordaça ao livre direito de votar?”, afirmou Gilmar Mendes, chamando a atenção dos ministros para a motivação política da propositura da liminar, apesar de afirmar que isto não deslegitima a ação. Será que acharemos alguém que ainda defenda essa corja (políticos) dizendo que eles fizeram o certo?! Gente, independente do partido, se fosse PSDB, PPS ou outro qualquer que apresentasse o projeto e depois saem com essa de que trata-se de “mordaça ao livre direito de votar”. Gente, é um absurdo, e está estampado!

  4. Thiago Monteiro disse:

    Pois é… isso é que é medo do povo do nordeste não conseguir votar!!!! Quem não tem título agora vota!!!!!
    Posso rasgar meu titulo???? kkkkkkk é brincadeira!!!! Só no Brasil mesmo… e o povo continua acreditando que vivemos em uma democracia!!! Caso a Dilma ganhe (ainda tenho esperanças que o povo acorde) estará instaurada no Brasil a mais nova Ditadura Civil!!!! É isso mesmo!!! Mandos e desmandos e ninguém fala nada, êta populismo barato!!!!
    Mas o povo…. ahhhh o povo… tem o governo que merece!!!!

  5. Itelvino Eller Filho disse:

    ISSO EU JÁ SABIA.MORO NO BRASIL HÁ 38 ANOS.NADA MUDA.DO MUNICÍPIO A BRASILIA TUDO IGUAL.KKKKKKKKKKKK
    VOTAMOS PQ SOMOS OBRIGADOS.DIGA SIM A DEMOCRACIA,E NÃO HA OBRIGAÇÃO.Votar pra mim, e mais um ato de desgosto,não tenho nenhum prazer nisso……Se para fazer um concurso público não fosse cobrado um documento de indentificação de eleição.TENHA CERTEZA NÃO VOTARIA EM NINGUÉM.Principalmente em meu município.

  6. Thiago Monteiro disse:

    “Dilma elogia STF e diz que decisão facilita votação”

    Candidata do PT comemorou fim da obrigatoriedade de apresentar um documento com foto e o título eleitoral na hora de ir às urnas.

    http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20101001/not_imp618122,0.php

    kkkkkkkkkkkkk, não falei????

  7. Sophia Regina Vilaça Emerick disse:

    NOSSA GENTE… É BRINCADEIRA … A PIADA DO AMOS… SE CUMPRINDO, RSRSRSR… PORQUE O SINAL TOCOU MEIA HORA MAIS CEDO? TUDO A VER… MAS … CADA NAÇÃO TEM O GOVERNO QUE MERECE, OU ESCOLHE!!! É A LEI DA SEMEADURA… QUEM PRANTA… COI… JÁ DIZIA MEU SÁBIO AVÔ.

  8. renato mota de aguiar disse:

    Realmente, o povo tem o governo que merece!

  9. Itelvino Eller Filho disse:

    No programa da última segunda “14/06″, a equipe do CQC colocou uma moça, de nome fictício Ana, em frente à Câmara Federal para fazer lobby junto aos deputados e colher assinaturas deles para que o projeto de um suposto deputado Chico Bezerra pudesse ser colocado em votação.

    Vários deles assinaram sem nem mesmo ler e se inteirar do que se tratava.

    Logo na sequência, a repórter Monica Lozzi cercava o deputado e perguntava se ele sabia sobre o que era o projeto.

    O deputado que assinara sem ler o documento, evidentemente, não sabia responder.

    Já o Deputado João Dado, foi cercado pela repórter do CQC e, ao ser questionado por que não assinou, explicou que a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) não estava dentro dos princípios regimentais e que não concorda com esse tipo de coisa, já que na cesta básica devem ser colocados alimentos e não cachaça. “Para assinar, você tem que concordar, você tem que ler tudo que assina e quando assinar assumir”, justificou.

    Assistir o Vídeo

    Depois a repórter do CQC tentou entrevistar o deputado Nelson Trad (PMDB/MS) que ao saber o que tinha assinado não controlou a emoção e agrediu a equipe do CQC.

    Um cinegrafista teve a roupa rasgada e parte do equipamento danificado.

    Monica também foi reprimida pelo parlamentar e chegou a ser empurrada.

    Esta não é a primeira vez que Dado é abordado pela equipe do CQC.

    Em outra oportunidade, ele também foi o único que sabia o valor do salário mínimo.

    Os demais deputados entrevistados não souberam responder.

    O resultado disso:

    O primeiro vice-presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), vai analisar medidas contra um quadro do programa humorístico Custe o Que Custar (TV Bandeirantes), que exibiu na segunda-feira passada (14) deputados assinando uma hipotética proposta de emenda à Constituição (PEC) para incluir a cachaça na cesta básica do brasileiro.

    ACHOU GRAÇA?. O QUE VOTAM SEM SABER NESSE BRASIL GENTE,ISSO AI E A CARA DE NOSSOS POLITICOS.tÉO.

  10. Itelvino Eller Filho disse:

    Televisão é forma e não conteúdo. quem quer conteúdo procura um livro ou jornal, no caso brasileiro, melhor o livro.

    Dilma primou pelo conteúdo em seus comentários, Serra e os demais pela forma. Esta é a grande diferença entre eles.

    Que fica ao telespectador, caros amigos, são os dados estatisticos de Dilma ou as piadas do Plínio?

    Em minha opinião é o segundo. Plínio com seu jeito de velhinho malandro, vai fazendo as mesmas afirmações e dando o seu recado. Dessa forma transmite a mensagem de seu partido e faz com que ele seja mais palatável ao público em geral.

    Marina também, menos que Plínio, mas faz o mesmo jogo de dar o recado a quem interessa: ao público, não ao candidato opositor.

    Esta é a grande sacada que parece que Dilma não pegou.

    Televisão é espetáculo. É para o grande público não é para a crítica ou militância.

    É luz, câmera e ação. Imagem e movimento.

    Nisso o Serra é mestre. Não disse nada a não ser dar continuidade ao seu programa eleitoral.

    Vazio em propostas e infestado de maledicências. Mas faz pose, gesticula e encara com naturalidade as câmeras.

    Que fica ao grande público?

    O jeitão confortável de Serra descer a lenha na Dilma e no PT, ou as esplicações técnicas de Dilma.

    A forma como o candidato faz é que importa, O que disse não importa muito. É a imagem que fica.

    Televisão: imagem e movimento. É o que o Homer Simpson vai ver no Jornal Nacional, no dia seguinte.

    Serra bateu forte em sem piedade em todas as oportunidades. Portou-se como se estivesse em casa, tratando com a maior “sem cerimônia” os seus interlocutores,

    Tratando a repórter com a maior intimidade, e não poderia deixar de ser, talvez, até porque já soubesse de ante mão o que seria perguntado. Afinal, tudo é possível, não se esqueçam que o debate foi patrocinado pela “famiglia Frias”.

    Dilma tem que encarar os debates da forma como são: pegadinhas para destruir a sua tragetória. Ela tem que ser mais dura e ao mesmo tempo ironica com o Serra e trata-lo como o marginal e moloque que ele é.

    Deveria ter dito, por exemplo, que em matéria de saneamento São paulo é uma vergolha e que a população vive debaixo d’água a maior parte do ano.. Este é o tipo de afirmação que fica ao público. Quem dentre nós lembra dos dados estatisticos e de investimento levantados por ela nessa questão. Eu não.

    Deveria dizer a jornalista da Folha que o candidato Serra está propagandeando-se atravez dos factódes produzidos pela Folha. e que ambos não contribuem com a verdade.

    Dilma tem que saber que em um debate o que importa é o público e não os candidatos adversários.

    É um espetáculo como outro qualquer.

    O grande público quer ver quem pega quem e não quem se defende de quem.

    Sobre isso é que estarão falando no trabalho e não coisas do tipo:”se viu como a relação entre o PIB e a´dívida pública é importante?”

    Dilma tem que dar “um passa moleque “ em Serra o quanto antes!

    O debate na Globo será a “Bala de Prata” de Serra e é lá que Dilma tem que se esmerar em ser mais esperta, ironica e até leviana que o candidato da Famiglia Frias et caterva.

    A Globo possui um “know-how” em manipulação e edição de imagens de fazer inveja ao próprio Goebbels, qualquer vacilo de Dilma neste terreno minado será a “bala de prata” que Serra e a velha mídia está procurando.

    Quando perguntaram ao ex ministro da privatização da Educação Paulo Renato como ele enfiou goela a baixo das universidades o tal “Provão”, ele respondeu sem titubiar: “o provão, nos ganhamos na mídia!”.

    Engraçado, não?

    Compartilhar:

    Select ratingNota 1Nota 2Nota 3Nota 4Nota 5

  11. Itelvino Eller Filho disse:

    È Dilma sem sombra de dúvida,A GLOBO, desta vez entrou na guerra para morrer.Sabe pq? A tv record estão calando a boca daqueles mentirosos da globo.Que manipulavam tudo.Agora chegou a solução.Record uma tv do povão e dos pobes.kkkkkkkkkkk
    E os pobres são a maioria neste Brasil desigual.Salve a bolsa família ,única estratégia que funciona para uma boa política;onde os pobres são ajudados.Pq o resto dos tucano e só imposto:Aécio,Fernando Henrique,Serra,Geraldo Alckimim e cia limitada.

  12. gustavo aguiar disse:

    Pior que uma mudança encima da hora é a incerteza juridica.O STF, como de doscume, mais uma vez nos descepiciona…como mo caso da FICHA LIMPA, com aquele empate absurdo e imoral, indo contra toda a espctativa da sociedade brasileira, destanciando assim cada vez mais o Judiciario da população. Agora podemos ter uma confusão generalizada apos as eleições.Repudio os comentarios sobre os nordestinos, pois acredito que entre eles existe uma convicção politica maior que de muitas pessoas de Minas Gerais, de Alto Caparaó, e para pessoas como nos, o bolsa familia pode parecer populismo barato sim, mas pergunta isso para um cidadão brasileiro do interior da paraiba!!!!!!!

  13. Renato Mota de Aguiar disse:

    Esse comentário sobre o povo do nordeste me pareceu mais discriminação. Não estou bem a par do que foi votado, mas uma coisa posso garantir a todos: As instâncias superiores da Justiça são para discutir a legalidade da lei, com base na lei maior que é a Constituição Federal. Se a exigência caiu é por que não era legal. Minha crítica ao Judiciário é por ser lento de mais. Uma decisão dessa deveria ter sido tomada antes do início das campanhas. Outro problema é sobre a questão da ficha limpa, que acabou não tendo uma decisão.

  14. Joice Jacomel T. Aguiar disse:

    Em vez de entrar com ação no Supremo questionando a exigência do título de eleitor e documento com foto na hora de votar, o PT deveria se queixar ao “patrão”: foi Lula quem sancionou, há um ano, a lei 12.304, que no artigo 91-A exige os dois documentos. Antes desta lei, o eleitor podia votar com a apresentação de um ou outro documento. Essa nova regra, com certeza não foi bem aceita. As estatísticas de eleições anteriores mostram que a abstenção é maior no eleitorado de baixa renda e nas regiões Norte e Nordeste. A exigência de 2 documentos, provavelmente só faria aumentar esse índice. E como todos sabem, Dilma Rousseff repete o fenômeno de Lula, ou seja, um grande número de seu eleitorado está na região norte e nordeste. A decisão do STF em exigir OBRIGATORIAMENTE a apresentação de documento com foto, dispensando a apresentação concomitante do título eleitoral amenizou um pouco a situação e será um mecanismo de controle para impossibilitar, ou pelo menos dificultar, a fraude de um eleitor votar por outro. Talvez uma medida futura para acabar com essa discussão, seria a emissão de um novo modelo de título eleitoral com foto, pois a nova regra praticamente inutiliza esse documento.

  15. Joice Jacomel T. Aguiar disse:

    Após receber uma ligação do candidato do PSDB, José Serra, o Ministro Gilmar Mendes interrompeu o julgamento do questionamento do PT contra a obrigatoriedade de apresentação dos dois documentos.

    Que vergonha!!! Serra e Mendes negaram a conversa, o que seria facilmente comprovado através da quebra do sigilo telefônico, espontâneo para esclarecer o fato ou por investigação, pois considero uma atitude grave da parte do candidato e ministro, passível até mesmo de cassação de candidatura e perda do cargo. Mas infelizmente não foi dada ênfase ao fato como se deveria.

    Antes do suposto telefone, o STF já havia decido julgar inconstitucional a exigência de 2 documentos, mas Gilmar Mendes fez o favor de adiar a votação.

    A obrigatoriedade da apresentação de dois documentos é apontada por tucanos como um fator a favor de Serra e contra sua adversária, Dilma Rousseff (PT). A petista tem o dobro da intenção de votos de Serra entre os eleitores com menor nível de escolaridade.
    Será que vale tudo para ganhar uma eleição?

    Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/poder/806923-apos-ligacao-de-serra-gilmar-mendes-para-sessao-sobre-documentos-para-votar.shtml

  16. Itelvino Eller Filho disse:

    O CHIQUEIRO SERÁ O MESMO,VAMOS AMANHA TENTAR TROCAR SOMENTE OS PORCOS.

  17. Thiago Monteiro disse:

    Me desculpem os nordestinos de plantão!!!! mas todo mundo sabe onde o Lula tem mais votos….

    E falando sério populismo é populismo, dar dinheiro ao ivés de emprego é, sempre foi e sempre será populismo, paternalismo, mas nunca a solução!!!

    E que favoreceu a Dilma, favoreceu!!!!
    E que foi uma vergonha, foi!!!!!

  18. RENATO MOTA DE AGUIAR disse:

    A aprovação de Lula e do seu governo está em torno de 80%. Será que as pesquisas de opinião são realizadas somente no Nordeste?? Todos sabem bem que não. Se não me falha a memória, este programa de distribuição de renda foi criado no governo do PSDB. Muitos estão desatualizado de quantos empregos foram criados no governo Lula. Atualmente é recorde o número de carteiras assinadas. Como historiador sei que o problema social brasileiro vem desde a colonização e se agravou quando os escravos (mais da metade da população brasileira) foram libertados com uma mão na frente e outra atrás. Se quando os escravos foram libertos, se o governo tivesse dado um pedaço de terra para cada família, em compensação pelos anos de escravidão, talvez não teríamos tantos problemas sociais. Já estive no nordeste e tive uma ótima impressão do povo de lá. Não vi lá tantos ignorantes assim. Pelo contrário, um povo muito trabalhador, assim como o presidente Lula.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: